Exercício físico – Benefícios à saúde e emagrecimento

Os benefícios do exercício físico para a saúde

Os exercícios físicos feitos regularmente são uma das coisas mais importantes que você pode fazer para a sua saúde. Exercício físico ajuda a:

* Controlar o peso e obter emagrecimento caso necessário.

* Diminuir o risco de doenças cardiovasculares.

* Reduzir o risco de diabetes tipo 2 e síndrome metabólica.

* Diminuir o risco de alguns tipos de câncer.

* Fortalecer os ossos e músculos.

* Melhorar a saúde mental e humor.

* Melhorar a capacidade de realizar atividades cotidianas e prevenir quedas em pessoas idosas.

* Aumentar a chances de viver mais.

Caso não esteja seguro em começar a realizar exercício físico ou elevar o nível de atividade física com medo de se machucar, a boa notícia é que atividade aeróbica de intensidade moderada, como caminhada rápida, é geralmente segura para a maioria das pessoas.

Eventos cardíacos, como ataque cardíaco, são raros durante exercício físico. Porém, os risco elevam quando a pessoa subitamente fica mais fisicamente ativa do que o usual. Por exemplo, a pessoa pode se colocar em risco se geralmente não pratica exercício físico e então subitamente resolve praticar atividade física aeróbica de alta intensidade, como correr rápido. É por isso que é importante começar devagar e elevar gradualmente o nível de atividade física.

Se você tem uma condição médica crônica, como artrite, diabetes ou doença cardíaca, converse com seu médico para descobrir seus limites e capacidade de realizar exercício físico. Então, trabalhe com seu médico para um plano de exercício físico que se encaixe na sua capacidade. Mesmo que não possa realizar muita atividade física, é importante evitar o sedentarismo. Mesmo apenas 60 minutos por semana de exercício físico aeróbico de intensidade moderada já seria bom. A conclusão é que os benefícios físicos do exercício físico regular superam em muito os riscos.

 

Exercício físico e controle de peso

Procura alcançar ou manter um peso saudável? Tanto dieta quanto exercício físico desempenham papel crucial no controle do peso e emagrecimento. Você ganha peso quando as calorias que queima, incluindo aquelas queimadas durante exercício físico, são menos do que as calorias ingeridas. Em relação ao controle do peso corporal, as pessoas variam bastante em quanto exercício físico precisam. Você pode precisar de mais exercício físico do que outros para alcançar ou manter um peso saudável.

 

Exercício físico para manter o peso saudável

Para manter o peso pratique a cada semana até 150 minutos de exercício físico aeróbico de intensidade moderada, ou 75 minutos de exercício físico aeróbico vigoroso, ou a mistura equivalente dos dois. Porém, a quantidade exata de exercício físico necessário para manter o peso varia muito de pessoa para pessoa.

 

Exercício físico para emagrecimento

Para o emagrecimento e manutenção do peso perdido você precisará de grande quantidade de exercício físico, a menos que ajuste a dieta e diminua a quantidade de calorias ingeridas. Conseguir o emagrecimento e se manter o peso saudável requer tanto exercício físico regular quanto uma dieta equilibrada.

 

Exercício físico e redução do risco de doença cardiovascular

Doença cardíaca e derrame são duas das principais causas de mortes no mundo ocidental. Porém, realizar pelo menos 150 minutos por semana de exercício físico aeróbico de intensidade moderada pode diminuir o risco dessas doenças. Pode-se reduzir os riscos ainda mais com mais exercício físico. Atividade física regular pode também diminuir a pressão sanguínea e melhorar os níveis de colesterol.

 

Exercício físico e redução do risco de diabetes tipo 2 e síndrome metabólica

Exercício físico regular pode diminuir o risco de desenvolver diabetes tipo 2 e síndrome metabólica. A síndrome metabólica é uma condição médica na qual a pessoa tem alguma combinação de muita gordura ao redor da cintura, pressão alta, baixo colesterol HDL (o bom colesterol), altos níveis de triglicerídeos ou de glicose no sangue. Pesquisa mostram que menores taxas dessas condições ocorrem com pelo menos 120 a 150 minutos semanais de exercício físico aeróbico de intensidade moderada. E quanto mais exercício físico, menores os riscos. Para quem já tem diabetes tipo 2, exercício físico também pode ajudar a controlar os níveis de glicose no sangue.

 

Exercício físico e redução do risco para alguns tipos de câncer

Praticar exercício físico diminui o risco de dois tipos de câncer: cólon e mama. Pesquisas mostram que:

* Pessoas fisicamente ativas têm menor risco para câncer de cólon do que aquelas que não são ativas.

* Mulheres fisicamente ativas têm menor risco de câncer de mama do que aquelas que não são ativas.

Embora as pesquisas ainda não estejam concluídas, há sugestão de que exercício físico regular poderia diminuir o risco de câncer no pulmão e de endométrio. Pesquisas também mostram que praticar exercício físico regularmente ajuda pessoas sobreviventes do câncer a ter melhor qualidade de vida.

 

Exercício físico e fortalecimento dos ossos e músculos

À medida que envelhece é importante proteger seus ossos, músculos e articulações. Pesquisas mostram que praticar exercício físico de intensidade pelo menos moderada pode diminuir a perda de densidade óssea decorrente da idade.

Fratura no quadril é uma condição médica séria que pode ocasionar efeitos negativos na vida da pessoa, especialmente para idosos. Porém, pesquisas mostram que pessoas que realizam 120 a 300 minutos por semana de exercício físico aeróbico de intensidade pelo menos moderada têm menor risco para fratura no quadril.

Exercício físico regular também ajuda com a artrite e outras condições médicas que afetam as articulações. Se você tem artrite, pesquisas mostram que fazer 130 a 150 minutos por semana de exercício físico aeróbico de intensidade moderada e baixo impacto melhora a qualidade de vida e capacidade de controlar a dor e praticar atividades cotidianas.

Atividades de fortalecimento dos músculos podem ajudar a manter a massa e força muscular. Elevar aos poucos a quantidade de peso e número de repetições trará ainda mais benefícios, não importando sua idade.

 

Exercício físico, saúde mental e humor

Exercício físico regular pode ajudar a manter afinadas as capacidades de raciocínio, aprendizado e julgamento. Também pode ajudar a reduzir o risco de depressão e auxiliar a dormir melhor. Pesquisas mostram que praticar exercício físico aeróbico, ou uma combinação de atividades aeróbicas e de fortalecimento muscular, de 3 a 5 vezes por semana por 30 a 60 minutos pode proporcionar esses benefícios mentais. Há alguma evidência científica que até menores níveis de exercícios físicos podem ser benéficos.

 

Exercício físico e melhora na capacidade de realizar atividades cotidianas e prevenir quedas

Idosos e pessoas de mais idade que são fisicamente ativos têm menor risco de limitações funcionais, que são perda da capacidade de praticar atividades cotidianas como subir escadas ou brincar com os netos. Para pessoas que já têm limitações funcionais, exercícios aeróbicos e de fortalecimento muscular podem ajudar a capacidade de desempenhar atividades cotidianas. Pesquisas também mostram que praticar atividades de fortalecimento muscular e equilíbrio semanalmente, em conjunto com exercício físico aeróbico de intensidade moderada, pode reduzir o risco de quedas.

 

Exercício físico e vida mais longa

A ciência mostra que exercício físico regular pode diminuir o risco de morrer prematuramente de algumas condições médicas, como doença cardíaca e câncer. Pessoas que são fisicamente ativas por em torno de 7 horas por semana têm 40% menos chances de morte prematura do que aquelas que são ativas por menos de 30 minutos por semana. Pelo menos 150 minutos por semana de exercício físico aeróbico de intensidade moderada já podem diminuir o risco de morte prematura.

Texto: Centers for Disease Control and Prevention.

 

Férias que realmente são férias

Aproveite bem suas férias com essas dicas!

 

Quando pensamos em viajar de férias, esperamos sair da rotina e encontrar muita diversão e sossego mental.

Se você vai viajar e ficar em um hotel, isso já está garantido.

Agora, se vai para uma casa de campo ou praia, certamente terá muita coisa para pensar e organizar.

Se a casa ou apartamento for seu, já deve estar bem montado. Se não for este o caso monte-o seguindo nossas indicações.

Se for alugada, tenha o cuidado de verificar quais utensílios a casa dispõe, inclusive eletrodomésticos. O que estiver faltando, se for essencial solicite para que a proprietária coloque, pois ela alugou uma casa montada.

Organize-se

Como você pode fazer para realmente aproveitar suas férias e descansar da rotina?

Organize-se, especialmente se não contar com ajuda de nenhum funcionário, para fazer as tarefas de arrumar a casa, cozinhar e cuidar da roupa.

Aqui, separamos algumas dicas que podem auxiliá-la a tornar tudo mais fácil do que parece.

Alimentos

Se tiver um bom supermercado, no local onde você vai ficar, deixe para comprar o que não couber em seu carro, por lá. Leve apenas o necessário. Compre as frutas, legumes, verduras e carne, no local. Elas sempre devem ser frescas. As bebidas também, pois ocupam espaço no carro e são itens pesados.

Quando estiver lá, procure fazer pratos simples e leves. Peça para todos ajudarem na preparação e organização da cozinha. Com essa ajuda, tudo fica mais fácil e a interação pode trazer muitos benefícios para o convívio da família. Essas férias também são suas.

Se tiver uma ajudante, é mais fácil. Você pode só cuidar da administração de todas as tarefas.

Algumas idéias de pratos: saladas diversificadas, com a adição de queijos, torradas, salsicha, frios, frutas. Sanduíches naturais, com muito verde. Pizzas de frigideira, macarrão com diversos tipos de molhos. Alguns tipos, você até encontra prontos, mas, pode fazer os seus e levar acondicionados em potes. Assim, é só cozinhar o macarrão e pronto.

Em relação às sobremesas abuse dos sorvetes e frutas.

Organize um churrasco. Os homens acabam fazendo quase tudo.

Roupas pessoais

Quando for arrumar sua mala para as férias, leve as roupas que forem mais práticas, sem deixar de lado a beleza que deve nos acompanhar todos os dias.

Nesta época, usamos pouca roupa, especialmente na praia.

Ás vezes ficamos com a roupa de banho o dia inteiro.

Quanto menos roupa sujar, menos terá que lavar e passar. Quanto a essa parte, passar roupa, leve peças de tecidos que não amassam. Assim, após secarem, você já pode guardar.

Roupas de cama, mesa e banho

Em relação às toalhas de banho e lençóis, após serem lavadas, e quase secas dê uma boa dobrada alisando o tecido com a mão. Vão parecer passadas e você terá mais tempo para descansar e aproveitar as férias, sem deixar de lado o capricho com suas coisas.

Itens pessoais – O que levar?

Roupas, de acordo com o lugar para o qual você está indo. Mas, não exagere. Sempre levamos mais do que usamos e acaba sendo um transtorno tantas coisas para guardarmos.

Quanto aos sapatos, coloque na mala chinelos leves, um tênis, uma alpargata e dependendo de sua programação uma sandália de salto alto.

Chapéu! Evite bonés, pois não protegem o pescoço e nem as orelhas. Existem muitos modelos e de todos os preços. E é um charme. Tanto para mulheres como homens.

A radiação solar está cada vez mais nos alcançando e fazendo seus estragos. Além do protetor, item de primeiríssima necessidade, use e abuse dos chapéus, tanto no campo como na praia.

Outras coisas muito pessoais, como xampu, cremes para os cabelos, seus tratamentos para o rosto, protetor solar e todas as coisas que você costuma colocar no seu nécessaire.

Não esqueça do secador de cabelo. Na praia ele é indispensável para você andar em ordem.

Aparelhos eletroeletrônicos

O primeiríssimo da lista é sem dúvida a máquina fotográfica. Tudo deve ser registrado.

O laptop é muito útil, tanto para diversão, como para manter suas coisas em ordem, como contas, que você pode pagar pela Internet.

Algumas pessoas acham que isso pode significar trabalho, nas férias. Depende de você. Use-o apenas para suas coisas particulares. Não acesse os e-mails de trabalho.

Se pesar os prós e os contras, provavelmente, os prós ganham. Então reserve um espaço para o laptop, na sua bagagem.

Não esqueça de um aparelho de som. Você pode levar um simples I-pod que com caixas de som fazem às vezes de um equipamento de som maior.

Se achar que uma batedeira de bolo vai lhe fazer falta leve-a se a casa não tiver uma, assim como torradeira, forninho e tudo que sua família não dispensa.

Remédios

Leve aqueles que são básicos, como: analgésico, antitérmico, remédios para dores de estômago e barriga, disenteria, azia e má digestão,

Não esqueça do termômetro, além de bandaid, gaze, água boricada, mertiolate e mais alguns que sua família está acostumada.

Se algum membro da família toma remédios específicos, não esqueça de levá-los em quantidade suficiente para os dias de férias. Você pode não encontrá-los para comprar.

Jogos, filmes, CDs, baralhos, revistas, livros, palavras cruzadas.

Esses artigos são muito bons para completar o lazer, nas tardes e noites em que não existe outro programa. A garotada também se diverte com filmes e jogos para elas.

Protetor solar, repelente de insetos e inseticida para tomadas

O protetor solar, como mencionado acima é um item que realmente deve ser obrigatório. Na Austrália, por exemplo, ele é fornecido para todos, em abundância, nas escolas, para os trabalhadores nas ruas, como os garis. Como medida preventiva visando a saúde de todos.

A preocupação com o aumento do câncer de pele exige que tenhamos um cuidado muito grande com o sol. O protetor deve ter um fator de proteção alto e reaplicado várias vezes, especialmente se entrar na água.

As crianças devem ser protegidas, com um fator bem alto, pois ficam mais expostas do que os adultos, brincando na água e dificilmente ficando embaixo do guarda-sol.

Repelente e inseticida, são indispensáveis para proteger você e sua família da picada de insetos, que incomodam e são prejudiciais à saúde.

Convidados para a casa de férias

Uma dica:

Se convidar outras pessoas, amigos, por exemplo, para passar as férias com você, não se sinta envergonhada de pedir ajuda. Tanto física como econômica.

É muito gostoso passar férias com mais pessoas.

O que vale é estarmos juntos.

Se você ficar responsável por todo o trabalho e despesa, vai acabar se estressando. O objetivo não é esse.

As férias, para muitas pessoas, acontecem apenas uma vez ao ano.

Prepare tudo com carinho e organização e realmente você poderá ter certeza de que serão suas melhores férias.

Residência fechada

Calçada repleta de folhas secas é um indício de casa sem morador.

Você já sabe como preparar suas férias, mas não esqueça que deixará sua casa sozinha e isto também requer atenção e cuidado.

Deixe sua casa preparada para o tempo que você vai ficar fora senão na volta muito trabalho à espera, não falando em alguma visita do alheio.

Organize sua casa para ficar sozinha e tenha umas férias com o sossego que você merece.

 

Como planejar uma viagem gastando pouco

Viagem sem dívidas

Esqueça trabalho, chuva, metrô lotado e trânsito caótico. Agora, imagine um dia ensolarado e você deitado em uma espreguiçadeira, curtindo um hotel com vista para o mar e uma água de coco refrescante. No meio da mentalização, seus pensamentos são tomados pelas cifras da viagem, que você não faz ideia de como pagar?

O medo de contrair dívidas não deve ser um impedimento para as suas sonhadas férias. Com planejamento, você pode fazer uma viagem sem se preocupar com seu nome no vermelho. O sócio fundador da agência de viagens ViajaNet, Bob Rossato, dá dicas estratégicas para você planejar a viagem gastando o mínimo possível.

Viagem planejada com antecedência

Programe a viagem com no mínimo três meses de antecedência,principalmente se pretende viajar em períodos de férias e feriados. Isso garante que o parcelamento acabe antes das férias do próximo ano.

Hoje, é possível comprar passagens aéreas no cartão de crédito em até 10 vezes sem juros e sem entrada. Algumas companhias aéreas fazem parcerias com instituições financeiras para estenderem os seus prazos para até 48 vezes.

Você é adepto do programa de milhagens?

Programa de milhagens

Se você aderiu a algum programa de milhagens, aqueles que acumulam pontos a cada voo feito pela companhia, fique atento ao prazo de validade! Seus pontos podem valer uma passagem para o destino escolhido e baratear ainda mais a sua viagem.

Você também pode acumular milhas sem precisar voar. Parcerias de algumas companhias aéreas com empresas de cartões de crédito permitem que você pontua ao fazer uma compra usando o cartão. Entre em contato com a central de atendimento do seu cartão de crédito e saiba se é possível transferir pontos para o seu programa de milhagens.

Outra vantagem econômica é que algumas companhias aéreas têm convênios com hotéis, locadoras de carros e várias outras empresas de serviços variados.

Quando fazer a viagem?

Para viajar, prefira datas e horários alternativos. Voos no meio da semana tendem a ser mais baratos devido à menor demanda. Fuja dos horários de pico (começo e final do dia), pois eles costumam ser mais procurados e, por isso, mais caros. Voos no meio do dia geralmente são mais em conta.

 

 

Economize ao escolher o aeroporto

O aeroporto é um dos fatores que influenciam no preço das passagens.Aeroportos mais centrais como Congonhas (São Paulo) e Santos Dumont (Rio de Janeiro) normalmente são mais caros devido à facilidade de acesso. Para economizar, procure aeroportos menos disputados. Boas alternativas: aeroporto internacional de Guarulhos (São Paulo), Viracopos (Campinas) e Galeão (Rio e Janeiro).

Uma viagem, diversos preços

A emergência de novos viajantes vindos das classes C e D aqueceu a economia e aumentou a demanda por viagens. Assim, a competição entre agências de turismo e companhias aéreas está mais acirrada. As novas empresas querem ganhar espaço e as antigas buscam estratégias para preservar seus clientes.

Essa guerra tarifária, além de ser vantajosa na busca de melhores serviços, favorece a variedade de preços. Há períodos do ano em que pacotes estão mais baratos e outros em que as passagens estão em promoção. Seja um consumidor esperto, pesquise e compare todos os preços.

Pesquise descontos na internet

Redes Sociais como Orkut, Facebook e Twitter são ótimas fontes depromoções lançadas por companhias aéreas e agências de viagem. Algumas empresas realizam ofertas exclusivas para estes canais, por isso, esteja imerso no mundo virtual. Economize tempo e dinheiro fazendo parte das comunidades das redes de relacionamento e seguindo companhias aéreas e agências de viagens no Twitter.

Outra opção proporcionada pela internet é o leilão de passagens aéreas.Você pode adquirir bilhetes com superdescontos para diversos destinos no Brasil, em baixa e alta temporada.

Depois de pensar nas questões financeiras, vamos passar para a parte boa da viagem, o roteiro. Confira dicas para aproveitar ao máximo um passeio no exterior.

%d blogueiros gostam disto: